Resenha #30 - Joyland

Por F.S.Kate - 24 maio


                     Classificação:                       
★★★
Título: Joyland
Volume Único
Gênero: Terror / Suspense / Mistério
Autora: Stephen King
Editora: Suma de Letras
Páginas: 240
Ano: 2015

Sinopse: 

Um pequeno conselho: não se aventure na roda-gigante em uma noite chuvosa.

Carolina do Norte, 1973. O universitário Devin Jones começa um trabalho temporário no parque Joyland, esperando esquecer a namorada que partiu seu coração. Mas é outra garota que acaba mudando seu mundo para sempre: a vítima de um serial killer.

Linda Grey foi morta no parque há anos, e diz a lenda que seu espírito ainda assombra o trem fantasma. Não demora para que Devin embarque em sua própria investigação, tentando juntar as pontas soltas do caso. O assassino ainda está à solta, mas o espírito de Linda precisa ser libertado — e para isso Dev conta com a ajuda de Mike, um menino com um dom especial e uma doença séria. 

O destino de uma criança e a realidade sombria da vida vêm à tona neste eletrizante mistério sobre amar e perder, sobre crescer e envelhecer — e sobre aqueles que sequer tiveram a chance de passar por essas experiências porque a morte lhes chegou cedo demais.

Resenha: 

Bom, pra começar vou logo dizendo pra você não começar a ler Joyland esperando um frio na espinha, porque quando se pensa em Stephen King, logo se relaciona com o frio na espinha, porém em Joyland não é assim. Calma, a história não é ruim, é uma bela história de um pouquinho de suspense e drama, mas nada de terror. 

Então, após saberem disso, sua visão do livro será melhor. Como eu li o livro esperando um pouquinho de frio na espinha, minhas expectativas não foram alcançadas. 

Por ser um thriller de suspense policial eu esperava mais, a capa do livro também nos remete ao terror, na história temos um assassinato cometido por um serial killer, uma garota que assombra um trem fantasma, tudo isso nos faz pensar que terá sim, frios na espinha digno de King. Mas não é por ai que a história vai. 

No começo do livro Devin conta como é apaixonado pela namorada que não da muita bola pra ele, o livro fica nisso por algum tempo, demora para que ele comece a trabalhar em Joyland e então a história vai se desenrolando bem devagar. 

A cada passo do livro eu fiquei esperando que algo muito explosivo fosse acontecer, mas, não gente, o livro é calmo mesmo, tem muita coisa legal que você tira do livro no decorrer da história, como eu disse no começo da resenha, é uma bela história, se você esquece que era pra ter um pouquinho de terror. 

Temos um pouquinho mais de suspense no final do livro e algumas descobertas legais, o final é triste e bonito, a leitura é fácil e rápida, o livro não é grande e eu gostei de lê-lo apesar de esperar um pouquinho mais. 

É isso pessoal. 


Beijooos! 


  • Compartilhar:

VOCÊ PODE GOSTAR TAMBÉM

0 comentários

Espero que tenha gostado do post de hoje. Não esqueça de deixar seu comentário, assim poderei saber se gostou ou não do post, e se devo trazer mais deste conteúdo para o blog.

Ahh, e aproveite e deixe seu link, para que nós do AB possamos retribuir sua visita!