20 julho 2018

O Passado de Raya | Lançamento do conto da série Guardião do Medo


Bom dia, queridos leitores!!

Hoje estou dando uma passadinha em todas as redes sociais do Abobrinha com Chocolate, inclusive aqui no blog para dizer que ainda estamos aqui, que o AB não acabou, e aproveitando para divulgar o novo lançamento da nossa parceira, a autora Michelle Pereira, que está sendo lançado hoje e que também está em promoção. TOTALMENTE GRATUITO NA AMAZON!!!

Vamos conhecer mais sobre...

Sinopse:

"Antes de ser Guardiã, Raya foi humana.
O que aconteceu quando ela se apaixonou pela primeira vez permanece trancado em seu coração, mas, em um momento de fraqueza, ela se lembra de tudo."

Neste conto da série Guardião do Medo, conheça o passado da Guardiã da Dor e seus reflexos no futuro.




A personagem Raya divide o protagonismo com Alexander em Guardião do Medo. Na história, ela é a Guardiã da Dor e protetora de Alexander. Ele pouco se importava com as investidas de Raya no começo, mas isso muda ao longo do livro.

Crédito da imagem: Divulgação

Em O passado de Raya, o leitor tem a oportunidade de conhecer de perto um segredo que a Guardiã tem guardado há muito tempo: seu primeiro e último amor. Ele a feriu e suas marcas perduram até hoje.



Entre os dias 20 e 22 de julho, o conto estará gratuito na Amazon! Corra e garanta o seu:
Link: Amazon


Aproveite e conheça também, gratuitamente, o conto O preço do céu.
Link: Amazon



CONHEÇA A SÉRIE GUARDIÃO DO MEDO

Sinopse: 

Alexander está morrendo pouco a pouco em um hospital. O câncer está consumindo seu corpo por dentro, minuto a minuto. E ele quer morrer logo. Rápido. A vida que ele viveu não deixa dúvidas de que o Inferno é sua próxima parada, mas ele não contava que um anjo viria ajudá-lo. Raya, a Guardiã, de asas negras, olhos azuis e mistérios e mais mistérios. Contudo, o que ele deveria pensar quando seu anjo protetor está escondendo algo importante? E quando tenta matá-lo? 

Em meio à loucura, aos pesadelos desesperadores e às perdas cada vez mais frequentes, ele se vê dentro de uma disputa muito além do imaginável, entre os Guardiões da Criação e as Filhas de Daemon. Ele é importante, para ambos, tanto para a Luz quanto para as Trevas. Porém, qual será a melhor escolha? Viver imerso nos segredos e omissões de Raya ou ser inundado pelo poder extasiante do Inferno?





Sinopse:

Israel nem sempre fora o Segundo Decantador da ordem dos Guardiões da Criação. 
Selene nem sempre fora uma Filha de Daemon, uma criatura das trevas.


Neste conto da série Guardião do Medo, conheça o passado doloroso e sombrio desses dois personagens, permeado pela dor e pelo amor.






CONHEÇA A AUTORA

Michelle Pereira é mineira, nerd e designer gráfico. Viciada em livros de fantasia e ficção científica, adora inventar histórias em seu tempo livre. 

Ela é autora da série Guardião do Medo e de O demônio no campanário, além de ter participado da antologia Criaturas do Submundo com o conto Sob o deserto e o sangue. 

Saiba mais sobre os livros na fanpage da autora.






04 julho 2018

3x | Sorte |


Acho que todo mundo sabe a definição de sorte, não é mesmo? Mas por desencargo de consciência e para dar ênfase ao texto, vejamos o conceito no dicionário.

Segundo o dicionário, sorte é... "uma força invencível a que se atribuem o rumo e os diversos acontecimentos da vida; destino, fado."

Definição interessante, não é mesmo? Uma pena que as pessoas muitas vezes usam esse conceito como uma desculpa para não se esforçar para alcançar um determinado objetivo, ou então como uma justificativa para as conquistas da outra pessoa que está se saindo bem.

Com isso em mente, minha proposta agora é: pare por um momento e reflita... Quantas vezes você já desistiu de tentar algo por que achou que para conseguir teria que ter sorte? Quantas oportunidades você já deixou passar por causa sorte? Quantas vezes você já utilizou a sorte como desculpa para o seu fracasso?

Se você respondeu sim a alguma dessas perguntas, acho melhor você repensar um pouco mais sobre as suas ações e decisões. Entenda... não estou dizendo que não existe essa coisa de sorte, não é isso que quero discutir hoje, o que estou dizendo é que por mais que exista essa tal força misteriosa, ela não fará tudo por você. Além do mais, na minha humilde opinião, contar com uma "força invencível", com algo que não se pode controlar ou prever, não é a maneira mais sensata de se ligar com a sua vida.

Eu sei que até agora o texto parece meio negativo, contudo, achei necessário acrescentar esses pontos para que entendam melhor o que quero dizer. Minha intenção aqui não é criticar ninguém por suas escolhas, mas, sim, compartilhar o meu ponto de vista.

O que estou tentando dizer, de uma forma bem enrolada "diga-se de passagem", é que, tirando alguns casos extraordinários, tanto o seu sucesso quanto o seu fracasso, são de responsabilidade sua. Por que? Porque só você é capaz de definir que caminhos seguir. As escolhas sobre o que será o seu futuro, só você é capaz de fazer. A quantidade de esforço e comprometimento, só você é capaz de decidir.

Ilustrando isso de uma forma mais prática... Suponha que a sua intenção é aprender uma língua ou a tocar um instrumento. Só você é capaz de correr atrás, se dedicar e aprender, não é mesmo? Não é possível que alguém gaste horas e horas treinando e no final, você que recebe o conhecimento. 

É por isso que eu digo que o seu fracasso ou sucesso é de sua responsabilidade. Portando, minha proposta é... pense agora, com cuidado, sobre o que você quer do seu futuro. E pense também sobre o que você está fazendo para alcançar aquilo que deseja. Por que no final das contas, se lá na frente as coisas não derem certo por você não ter se esforçado o suficiente, a única pessoa a qual poderá culpar, é a si mesmo.

O que você acha dessa opinião? Concorda? Não concorda? Pode falar!!


02 julho 2018

Indicações AB | Livros para ler nas férias


Ahhh... que felicidade... As tão sonhadas férias do meio do ano já está batendo a porta e para deixar essas férias ainda melhores, decidi trazer hoje algumas indicações de livros para ler, assim você poderá aproveitar ao máximo a sua folga para colocar em dia as leituras. E como sei que esse é um período para relaxar e recarregar as energias, vou tentar focar em indicações de livros mais rápidos e fáceis de se ler.

Mas vamos deixar de papo furado e vamos ao que mais interessa, as indicações...

INDICAÇÃO JOTA >> VIVA A/À POESIA - JEAN CARLO BARUSSO
Viva a/à Poesia, do autor Jean Carlo Barusso, é um livro de poemas muito gostoso de ler, dá pra ler rapidinho ou ler devagar pra ir aproveitando mais, lendo os poemas na ordem do livro ou fora de ordem também. É um livro ótimo pra ter na bolsa ou do lado da cama.
Sinopse: 
Viva a Poesia: Significa viver a poesia, senti-la e fazer dela um modo de vida.
Viva à Poesia: É como um brinde: "Viva à Poesia!". Este livro é uma contribuição (espero) e uma homenagem à poesia.
Confira a resenha...

INDICAÇÃO NAY >> NUNCA OLHE PARA DENTRO - AMANDA ÁGHATA
Essa história simplesmente me conquistou. A escrita da autora é fluida e cativante, de forma que você se pega imersa na história, compartilhando com os personagens as suas paixões e os seus sofrimentos. O livro da autora possui um mescla de toques de romance e drama, na medida certa para fazer o leitor se apaixonar pela história. Além é claro, de trazer uma mensagem muito forte e importante sobre a violência doméstica.
Sinopse: 
Nem sempre a vida é colorida como um quadro ou suave como uma pincelada, às vezes é o contrário de tudo isso. Depois de perder os pais em um acidente de carro aos oito anos, a única coisa que Betina precisa fazer é encontrar o responsável por ter destruído sua família na noite que daria início à sua próspera carreira como pintora. Agora, longe dos pincéis e das paletas, ela está focada em terminar a primeira graduação e procurar na justiça um pouco de consolo para o caos que o seu passado ainda traz. Ao lado de seus amigos e sob o teto de uma tia que a detesta, ela perceberá de que cores as pessoas são feitas, e do quanto é realmente necessário olhar para dentro de tudo aquilo que a assombra, mesmo que para isso precise passar por uma inesperada decepção.

INDICAÇÃO GABI >> MENTIRA PERFEIRA - CARINA RISSI
Mentira Perfeita da C. R. Apesar de não ser um livro tão pequeno é um romance que vai te prendendo a história a cada página. Quem curte romance tenho certeza que vai se apaixonar assim como me apaixonei.

Sinopse:
Júlia não tem tempo para distrações. Ela é brilhante e sempre se esforça para ser a melhor naquilo que faz; por essa razão, sua vida pessoal acabou ficando de lado. Algo que sempre preocupou sua tia Berenice. Gravemente doente, a mulher teme que Júlia acabe completamente sozinha quando ela se for. Júlia faria qualquer coisa qualquer coisa mesmo! por tia Berê e, em seu desespero para agradar a única mãe que já conheceu, inventa um noivo enquanto torce por um milagre... E então o milagre acontece: Berenice se recupera e, assim que deixa o hospital, gasta todas as suas economias com o casamento dos sonhos para a sobrinha. Como Júlia pode contar a ela que mentiu, com a saúde da tia ainda tão frágil? É quando Júlia conhece Marcus Cassani. Ele é irritantemente cínico, mulherengo e lindo de um jeito que a deixa desconfortável. Marcus também está enfrentando problemas, e um acordo entre eles parece ser a solução. Tudo o que Júlia sabe é que deveria se afastar de Marcus. Mas seu coração tem uma ideia muito diferente... Mentira Perfeita é um spin-off de Procura-se Um Marido, uma história que se passa no mesmo universo da primeira.

INDICAÇÃO GABI >> SETE OSSOS E UMA MALDIÇÃO
Sete Ossos e Uma Maldição é um livro com vários contos de terror, que envolvem e surpreendem ao mesmo tempo. É um livro mais curto e para quem ama um friozinho na barriga, super indico.

Sinopse:
Em Sete ossos e uma maldição, Rosa Amanda Strausz conduz o leitor a um clima de terror e mistério de tirar o fôlego. Os 10 contos são construídos com a mestria de quem sabe narrar, de quem sabe percorrer os caminhos sinuosos do suspense.
Enquanto o leitor passeia por histórias aparentemente comuns, o suspense cresce na narrativa. O que parece ser apenas a história de um casal recém-casado, comprando uma mansão antiga, ganha contornos arrepiantes. A mãe que vende o filho para uma família de bens transforma-o em um morto-vivo.
Com a respiração presa, é preciso chegar rápido ao final do conto, em busca do ápice tão desejado. Mas a autora surpreende. A dúvida é uma constante. E, às vezes, é o leitor quem completa, com seus próprios medos, o desfecho da história. Aliás, uma história de arrepiar.

27 junho 2018

Morango ou chocolate?


Às vezes me sinto imersa em uma multidão de sentimentos confusos. É um pouco de medo, angústia, anseios e amor. Talvez um pouquinho de solidão também. Me pergunto às vezes quem eu sou e o que eu quero pro meu futuro. É uma pergunta bem pesada se for analisar que tenho apenas 20 anos e nem sei se prefiro sorvete de chocolate ou morango.

Mas gosto de acreditar no amanhã, no melhor que eu  posso ser. Gosto da possibilidade de mudanças. E mesmo estando rodeada de pessoas, me pego pensando em como o sentimento de se "sentir sozinha" vem do nada. Esses relâmpagos de sentimentos não te dão explicação alguma e já chegam fazendo reboliço dentro de você.

As vezes você faz escolhas,  e mesmo que não sejam as mais corretas a se tomar, você escolhe. Tem que escolher. É, ou morango, ou chocolate. Não que você não possa provar os dois sabores juntos, mas as vezes você deve escolher um só.

Olha, eu sei que essas palavras podem parecer confusas e sem nexo, não me leve a mal.  Acho que só estou tentando me encontrar nesse pedaço de mundo que há em mim, e quando você estiver assim também, fique tranquila(o), na hora certa você resolve entre morango e chocolate, estar ou não estar, ser ou não ser.