Resenha #63 - O Teorema Katherine

Por F.S.Kate - 27 fevereiro


Classificação:
★★★★
Título: O Teorema Katherine
Volume Único
Gênero: Romance
Autor: John Green
Editora: Intrínseca
Páginas: 304
Ano: 2013

Sinopse:

Após seu mais recente e traumático pé na bunda - o décimo nono de sua ainda jovem vida, todos perpetrados por namoradas de nome Katherine - Colin Singleton resolve cair na estrada. Dirigindo o Rabecão de Satã, com seu caderninho de anotações no bolso e o melhor amigo no carona, o ex-criança prodígio, viciado em anagramas e PhD em levar o fora, descobre sua verdadeira missão: elaborar e comprovar o Teorema Fundamental da Previsibilidade das Katherines, que tornará possível antever, através da linguagem universal da matemática, o desfecho de qualquer relacionamento antes mesmo que as duas pessoas se conheçam.

Uma descoberta que vai entrar para a história, vai vingar séculos de injusta vantagem entre Terminantes e Terminados e, enfim, elevará Colin Singleton diretamente ao distinto posto de gênio da humanidade. Também, é claro, vai ajudá-lo a reconquistar sua garota. Ou, pelo menos, é isso o que ele espera. 


Resenha: 

Ah John, escreve mais!


Eu sou uma verdadeira fã de histórias leves e cheias de humor. E o que o John faz? Ele escreve essas histórias leves e cheias de humor e ainda consegue colocar uma mensagem de reflexão maravilhosa por trás.

Então eu só consigo dizer: John, write more, please.

Bom, O Teorema Katherine tem como personagem principal, Colin, um prodígio que até então só namorou garotas chamadas Katherine, ele não sabe explicar muito bem porque, mas acaba só se interessando por garotas com esse nome.
"Aquele sorriso seria capaz de pôr fim a guerras e curar o câncer." 
No momento ele está sofrendo pela Katherine XIX, sofrendo pelo décimo nono fora de uma Katherine, sim, todas elas terminaram com ele. E como ele gosta de frisar, por motivos muito bobos. Como por exemplo, uma Katherine disse que gostava dele porque ele era muito inteligente e lia muitos livros, depois terminou com ele porque ele passava muito tempo lendo. Oi? Kkkk'.

Como podemos ver a vida amororsa de Colin tem sido problemática, mas ele tem o apoio de seu amigo Hassan, um típico faz nada. Um fugger de um faz nada - lendo você entenderá kkk. Que sempre está lá pra levantar o Colin do chão depois de um fora de uma Katherine.
"... Colin não queria que aquilo acabasse, porque sabia que a ausência dela doeria mais que qualquer fim de namoro. Mas Katherine foi embora mesmo assim."
E é Hassan quem dá a ideia de por o rabecão - carro do Colin - na estrada, sem destino. E é isso que eles fazem, indo parar em uma cidade do interior, onde conhecem Lindsay e onde a história de fato começa.

Cheia de descobertas, de drama e muito humor, a gente acompanha a jornada de Colin tentando formular o seu Teorema Fundamental de Previsibilidade das Katherines, ao mesmo tempo em que descobre a si mesmo, com o apoio de seu amigo fugging Hassan e a nova e não esperada amizade de Lindsay.


A cidade de Gutshot tem muito a oferecer aos dois forasteiros que colocaram o pé na estrada. E depois dessa jornada ninguém sairá o mesmo.
"Essas são as pessoas de quem a gente gosta de verdade. As pessoas na frente de quem você pode pensar alto. As pessoas que estiverem nos seus esconderijos. As pessoas na frente de quem você mordisca o polegar."
Eu me diverti, chorei e sorri com esse livro e claro amei os cálculos do Colin - porque né, sou de exatas kkk - achei a leitura super gostosa e proveitosa, super indico para quem ainda não leu.


É isso ai, até mais

Beijooos! 

  • Compartilhar:

VOCÊ PODE GOSTAR TAMBÉM

4 comentários

  1. Olá!
    Confesso que não sou nada fã do Green, inclusive, esse foi o único livro dele que eu fiquei interessada em ler e no final acabei gostando bastante. Mesmo tendo gostado, não fico curiosa com as outras histórias :(
    Fico feliz que tenha curtido esse livro também. Ele tem uma dose de leveza bem gostosa.

    Beijão
    Leitora Cretina

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      É geralmente as pessoas não gostam muito dos livros do John, mas eu curti bastante mesmo haha' :D

      Obrigada pela visita ^^

      Beijooos!

      Excluir
  2. AI ESSE LIVRO É TÃO AMORZINHO <3
    Eu li ele já faz um tempão ahahha, mas lembro de ter gostado muito.
    John Green tem aquele jeito incrível de escrever histórias ♥

    Beijos,
    Flá Bergamin ♥
    http://voceetaolivro.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!

      Sim, é muito amor a história, eu amei e que bom que gostou também!

      Obrigada pela visita ^^

      Beijooos!

      Excluir

Espero que tenha gostado do post de hoje. Não esqueça de deixar seu comentário, assim poderei saber se gostou ou não do post, e se devo trazer mais deste conteúdo para o blog.

Ahh, e aproveite e deixe seu link, para que nós do AB possamos retribuir sua visita!