Espelho, espelho meu, existe alguém mais imperfeito do que eu?

Por Marina Nascimento - 11 abril


— Espelho, espelho meu, existe alguém mais imperfeito do que eu? — pergunta assustada, olhando sua face refletida sob as manchas sujas de seu espelho de mão, preparado exclusivamente para aquela ocasião, a coroação da estupidez humana, a hipocrisia da imagem perfeita, construída sob capas de revistas femininas do mito do corpo perfeito, ''perca 10 kg em uma semana''. 

— Quanta pelanca. Isso é uma ruga? Meu Deus, preciso pintar meus cabelos — repete desesperada — Talvez a manicure tenha um horário sobrando amanhã a tarde, que cutículas mal feitas — fala, olhando suas unhas descascadas de tanto lavar a roupa e a louça do almoço.
       
— Para com isso, mãe, a senhora é linda, padrão de beleza é você feliz consigo mesma! — aviso.
      
Visto isso, confiro minha própria imagem no espelho, constatando tranquila que talvez eu tenha alguns quilos a mais, com certeza; talvez algumas marcas perdidas de passados que contam sua própria estória; sem contar as unhas mal polidas, a sobrancelha mal feita e algum corte já há muito fora de moda. Olho-me no espelho. Quanta imperfeição, digo. Mas logo me reprimo; sou um ser humano, repito. Ninguém é perfeito.

  • Compartilhar:

VOCÊ PODE GOSTAR TAMBÉM

0 comentários

Espero que tenha gostado do post de hoje. Não esqueça de deixar seu comentário, assim poderei saber se gostou ou não do post, e se devo trazer mais deste conteúdo para o blog.

Ahh, e aproveite e deixe seu link, para que nós do AB possamos retribuir sua visita!