12 junho 2019

Primeiras impressões: Pluto | Um mangá em tributo à Osamu Tezuka e sua grande obra Astro Boy

Osamu Tezuka foi um dos mangaká mais influentes do japão, que impulsionou esta indústria a outros patamares.


Pluto é um mangá baseado na grande obra de Osamu Tezuka, Astro Boy, e discorre sobre a vida de um renomado detetive policial robô da Europol chamado Gesicht, que é incumbido de solucionar um terrível esquema de assassinatos.

O renomado inspetor Gesicht

Embora um robô, a história apresenta Gesicht como uma pessoa normal, levando uma vida normal. Ele possui uma casa, uma família e um emprego rentável e respeitado. A personificação do detetive é aparentemente humana, sobretudo, Gesicht é apenas um robô a serviço da sociedade. Mas nem todos os robôs possuem esta forma. Muitos tem uma aparência mecanizada, que refere-se exatamente a alusão que se tem quando se escuta o termo "robô".



Os assassinatos repentinos sem precedentes

O inspetor Gesicht é convocado quando, de forma repentina, dois assassinatos ocorrem: a morte de um robô considerado um simbolo nacional e um homem representante e ativista dos robôs. De alguma forma esses crimes estão interligados entre si. Alguém não deseja ver essa coexistência entre humanos e robôs, afinal, qual outro motivo esta pessoa teria para cometer tal atrocidades?! Para tal, Gesicht foi acionado. Além de várias suspeitas, o criminoso sempre deixa uma marca registrada no local do crime, o que potencializa a ideia de que, quem matou o homem e estraçalhou o robô, é a mesma pessoa.


Traços artísticos e considerações iniciais sobre a obra

No tocante a arte gráfica do mangá, os traços possuem uma sutileza e delicadeza em cada quadro e expressão dos personagens. Não sendo tão extraordinário, mas ao mesmo tempo não entregando uma qualidade de baixo nível. A respeito da história, pode-se dizer que é mais uma daquelas que te pegam de surpresa e te envolvem na trama e só te largam após a última palavra, da última linha do último parágrafo. Envolto por mistério e ação, Pluto, com certeza, é uma ótima indicação de leitura para os adeptos ao gênero e também aos marinheiros de primeira viagem.

FICHA TÉCNICA 

Nota do crítico: ★★★★★♡
Título: Pluto
Outros títulos: Purūtō
Volume: 1

Capítulos: 7
Gênero: Mistério, ficção científica, thriller
Autor/Organização: Naoki Urasawa, Osamu Tezuka (criador original) e Takashi Nagasaki (co-autor)
Editora: Panini Comics, Planet Mangá
Selo: ------
Páginas: 163
Ano: 9 de Set/2003 – 5 de Abril/2009
Sinopse: Em um mundo onde humanos e robôs coexistem, o poderoso robô Mont Blanc foi destruído. Ao mesmo tempo, um importante ativista protetor dos direitos dos robôs é assassinado. Os dois incidentes apresentam algo em comum nos locais dos crimes: chifres colocados nas cabeças das vítimas. Gesicht, um competente investigador da Europol, está prestes a enfrentar o mais tenso e complexo trabalho de sua carreira, no qual ele também é uma vítima em potencial: um dos robôs mais poderosos do mundo.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Espero que tenha gostado do post de hoje. Não esqueça de deixar seu comentário, assim poderei saber se gostou ou não do post, e se devo trazer mais deste conteúdo para o blog.

Ahh, e aproveite e deixe seu link, para que nós do AB possamos retribuir sua visita!